Notícia do Maranhão

168 Visualizações

Publicada em 26/03/2020 17:25:36

Governo do Maranhão garante suporte aos municípios no enfretamento ao coronavírus


Uma série de medidas estão sendo adotada pelo governador do Maranhão Flávio Dino a fim de preparar as cidades maranhenses em possíveis casos de coronavírus. São ações que vão desde o repasse de recursos a todos os municípios à expansão de leitos de UTI nos Hospitais Regionais e Macrorregionais.

“Temos procurando garantir essa integração da rede estadual e redes municipais para que com isso nós possamos manter esse clima de parceria e união que, autenticamente, faz a força, para que rapidamente a gente consiga prevenir e cuidar os casos de coronavírus no Maranhão”, assegurou o governador, em entrevista a TV Mirante, na manhã de quinta-feira (26).

Os 217 municípios receberão recursos para ajudar a enfrentar o vírus. “Pactuamos repasse de recursos para todos os municípios do Maranhão, mediante um acordo com Ministério da Saúde. Vamos ajudar, com esse repasse do Ministério de Saúde, com o Fundo Estadual de Saúde e (somando ao) Fundo Municipais de Saúde, todos os municípios a adotarem suas medidas preventivas e de proteção dos seus profissionais de saúde”, adiantou Flávio Dino, que produziu, na quarta-feira (25), mensagem direcionada aos prefeitos e tem mantido diálogo constante com a Famen para definir critérios para alocação desses recursos.

Investimentos nos Hospitais

Nos Hospitais Regionais e Macrorregionais há leitos bloqueados, que estão vazios, aguardando a possibilidade de internação por coronavírus. “É suficiente? É suficiente hoje. Por isso estamos tomando medidas preventivas, para evitar o alastramento de casos”, explicou Dino em entrevista coletiva no último fim de semana, sobre a importância do isolamento social, como forma de evitar colapso no sistema de saúde.

Além do bloqueio de leitos já existentes, há a expansão de novos, com obras em Coroatá e Imperatriz, por exemplo. Em Coroatá, as obras já foram finalizadas e iniciou, na quinta-feira, a instalação dos equipamentos nos novos leitos.

O governador informou sobre a compra – realizada com apoio de empresas que atuam no Maranhão – de 800 novos respiradores, que estão sendo importados de outros países. Parte deles, serão destinadas aos Hospitais do interior. “Com esses 800 respiradores vamos também fortalecer a descentralização”, defendeu Flávio Dino.

O Estado ainda aguarda o repasse de 40 kits para equipar leitos de internação que foram prometidos pelo Governo Federal. Flávio Dino informou que o Ministério da Saúde prometeu que ate sexta-feira (27) estarão disponíveis os primeiros 20. Todos os kits serão destinados aos Regionais e Macrorregionais.

“De modo que passaremos de mil equipamentos de respirações, em leitos de UTI disponíveis para os casos mais graves, que são estimados em 5% das pessoas que vierem a ser contaminadas”, pontuou.

 

168 Visualizações

Publicada em 26/03/2020 17:25:36

FAMEM © 2018 - Todos os direitos reservados